Segunda, 20 de Setembro de 2021
71 99208-9314
Política Saúde

Policlínica Regional é inaugurada em Itaberaba; equipamento deve atender mais de 400 mil habitantes

Unidade tem intuito de reforçar o Sistema Único de Saúde (SUS) e ampliar o acesso à saúde dos munícipes da região

23/07/2021 14h28
Por: Redação
Foto-Mateus-Pereira_GOVBA
Foto-Mateus-Pereira_GOVBA

A policlínica Regional de Saúde foi inaugurada no município de Itaberaba, portal de entrada da Chapada Diamantina, nesta sexta-feira (23). O equipamento fica localizado na ‘Avenida Flaviano Guimarães, s/n, Centro’ e deve atender cerca mais de 400 mil habitantes chapadeiros, com o intuito de reforçar o Sistema Único de Saúde (SUS) e ampliar o acesso à saúde dos munícipes da região.

A inauguração foi feita pelo governador Rui Costa (PT), que investiu nesta 20ª policlínica entregue em seu mandato, aproximadamente R$30 milhões designado para toda a obra e aquisição de equipamentos, veículos e demais ações. Na ocasião, ele esteve acompanhado do secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, do prefeito de Itaberaba, Ricardo Mascarenhas (PP) e de gestores que integram o ‘Consórcio de Saúde Chapada Unida’.

De acordo com Rui, esse é um sonho que se realiza e o seu governo chegará a 26 policlínicas construídas. “Já são 20 policlínicas regionais entregues na Bahia! Acabamos de entregar a mais nova unidade deste modelo, em Itaberaba. Foram mais de R$ 29 milhões em investimentos na infraestrutura e em equipamentos para garantir saúde pública de qualidade para 23 municípios consorciados”, frisa o governador.

Rui ainda entregou os micro-ônibus, “que fazem o deslocamento entre uma cidade e outra, para que ninguém perca nenhum exame ou consulta”. “Além da policlínica, entregamos mais 14 ônibus escolares para 14 prefeituras da região. A entrega destes veículos também é um ponto fundamental dos preparos para a retomada às aulas semipresenciais”.

“Tenho muito orgulho em estar cumprindo meu compromisso de regionalizar a saúde na Bahia e com fé em Deus entregarei as 26 policlínicas por todo o estado até o fim da minha gestão. Ainda vem muito mais por aí, com muito trabalho e correria para promover cada vez mais a assistência à saúde para todos os baianos!”, completa o chefe do Executivo baiano.

Para o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, este projeto faz com que o vazio assistencial que existia entre a Atenção Básica e a Atenção Hospitalar na região, se preencha. “É uma mudança total na realidade da saúde pública da Bahia”, pontuou.

Um dos compromissos do governador Rui Costa foi a participação da inauguração do Centro de Formação Profissional de Itaberaba. Ao lado do prefeito Ricardo Mascarenhas e do senador Jaques Wagner (PT-BA), o chefe do Executivo iniciou sua agenda com entrega de obras do munícipio, antes de entregar a Policlínica Regional.

Essa unidade de saúde vai oferecer serviços ambulatoriais especializados e exames de alta complexidade aos habitantes dos 23 municípios que integram o consórcio: Itaberaba, Seabra, Nova Redenção, Utinga, Wagner, Ibiquera, Iaçu, Marcionílio Souza, Andaraí, Abaíra, Boninal, Macajuba, Ipirá, Iraquara, Lençóis, Boa Vista do Tupim, Itaetê, Piatã, Ibitiara, Souto Soares, Iraquara, Lajedinho, Novo Horizonte, Palmeiras, Mucugê e Ruy Barbosa.

O prefeito do município de Ibiquera, na Chapada Diamantina, Ivan Almeida (PP), que já vinha defendendo a regionalização da saúde, a inauguração do equipamento de saúde em Itaberaba é algo importante para toda a região e classificou como sendo uma das maiores obras de saúde pública da Bahia.

“Essa conquista não é apenas de um prefeito, não é apenas de uma cidade, e sim de todos nós que fazemos parte da Chapada. Juntos, nós [consócio] trouxemos para a nossa cidade, no caso Itaberaba, que foi escolhida e votada por nós, mostrando compromisso com a saúde pública da nossa Chapada Diamantina”, enfatizou.

O prefeito de Abaíra, Edval Luz Silva (DEM), o popular ‘Diga’, comentou que com o equipamento só quem tem a ganhar é a população da região com serviços de alta complexidade, inclusive a cidade a qual administra e que não tem muitos recursos.

Todos esses municípios chapadeiros estão realizando treinamento com o pessoal de saúde, que vai se encarregar das marcações de consultas e do cuidado com o transporte dos pacientes até a sede da unidade.

Com uma estrutura de 2.848,32 metros quadrados, a unidade vai fornecer diversas especialidades: angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastroenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia. Há ainda os seguintes exames que serão oferecidos: ressonância magnética (com e sem contraste), tomografia (com e sem contraste), mamografia, ultrassonografia com doppler, ecocardiografia, eletroneuromiografia, teste ergométrico, mapa, holter, eletroencefalograma, raio-X, eletrocardiograma, endoscopia, colonoscopia, nasolaringoscopia, entre outros, ligados a especialidade de oftalmologia. Também serão realizados biópsia da mama, tireóide, próstata, dérmica, gastroentestinal, dentre outros. Estão inclusos também os procedimentos de vasectomia, cauterização, pequenas cirurgias e cuidados com o pé diabético.