Sexta, 03 de Dezembro de 2021
71 99208-9314
Esportes Famosos

Denilson desabafa 20 anos depois sobre briga por R$ 5 milhões com Belo

Em 2017, o marido de Gracyanne Barbosa processou Denilson após o ex-jogador cobrar o artista publicamente das dívidas que está devendo

21/10/2021 09h42
Por: Redação
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A banda Soweto já acabou, mas a briga pelo singelo valor de R$ 5 milhões ainda rola na Justiça. Após a saída de Belo do grupo, nos anos 2000, o então gerente da banda, Denilson, processou o cantor alegando quebra de contrato. Em 2004, a Justiça condenou Belo a pagar o valor que, com multas e correções,  supera os milhões. 

Mas, mesmo depois de 20 anos de briga entre o ex-jogador e o artista, Denilson acha inadmissível uma pessoa não pagar o que deve e, ainda, segue sem dar R$ 1 da dívida.

"Eu ainda não vi nada (do dinheiro). E a gente está falando de umas 'picanhas com umas gordurinhas da hora'. O cara vive a vida normal, está por aí e está lindo para ele. Acho que tem gente que tem esse perfil, de achar que o certo é o errado. E a gente vive em um mundo em que você faz isso e está tudo bem. Mas não é. Não está tudo bem. Está tudo errado”, explicou durante o podcast Flow Sport Club.

O ex-jogador ainda reforçou que todos os shows que Belo fosse fazendo, os valores seriam depositados em uma conta dele, mas, esse acordo que foi feito, ainda não ocorreu. Vale lembrar que em 2019, a Justiça penhorou os bens de Belo para tentar quitar dívida. 

"Então, o cara me deve, não me pagou ainda. A gente tentou fazer um acordo agora. Da parte dele, divulgaram que tinha feito o acordo e que estava pagando, que está tudo certo, ia parar com as penhoras do show. Parar por** nenhuma! Cantou, o bagulho vai cantar lá na porta também, vai chegar oficial de justiça. O ‘bagulho está louco’”.

Em 2017, o marido de Gracyanne Barbosa processou Denilson após o ex-jogador cobrar o artista publicamente das dívidas que está devendo. O apresentador ainda comentou que Belo deveria pagar, pelo menos, um valor simbólico mensalmente. 

"Não dá pra saber onde o calo aperta. Sei que a Justiça foi feita. O cara me deve e ainda me processa [em 2017, Belo processou Denilson por cobrá-lo nas redes sociais]. Ele tem que pagar as custas do advogado, já é coisa dele. E o processo que ele tem comigo, e o valor, ele tem que me pagar. O martelo já foi dado. Não pode fazer mais nada. É só ele ligar e falar: 'eu pago 1 mil reais por mês, 500 reais por mês'.