Quinta, 29 de Julho de 2021
71 99208-9314
Saúde Surto

Número de casos confirmados de malária sobe para 52 no extremo-sul do estado

69 testes ainda estão em análise

16/07/2021 10h18
Por: Redação
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O número de casos confirmados de malária no extremo-sul do estado da Bahia subiu para 52. Desses, 50 foram identificados na cidade de Itabela e dois no município de Porto Seguro. Até o último dia 8 de julho, 36 casos da doença haviam sido confirmados na região pelo Laboratório Central do Estado (Lacen).

Em contato com o bahia.ba, a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) revelou que, até a quinta-feira (15), foram colhidas 341 lâminas. Dessas, 272 foram examinadas e 52 testaram positivo para a doença. Além disso, 69 testes ainda estão em análise.

Ainda de acordo com a Sesab, algumas medidas estão sendo tomadas para frear a transmissão da doença. O órgão distribuiu cerca de 240 mosquiteiros impregnados com inseticida de longa duração (MILD). Além disso, técnicos da saúde estão em assentamento rural na região de Itabela, onde se concentra a maioria dos casos, para trabalho de prevenção e controle do foco.

A malária é transmitida pela picada de mosquitos Anopheles infectados com o protozoário Plasmodium. A doença também pode ser transmitida em contato com o sangue do infectado. Os principais sintomas são febre alta, calafrios, sudorese e dor de cabeça, dores musculares, taquicardia e aumento do baço.